Banner Topo -Virtex Telecom Banner topo – Armazém do povo BAnner Governo do Estado
Rede Brasil

Agricultora piauiense de 64 anos será homenageada em programa da Globo no dia internacional da mulher

em 02 de março de 2021

Histórias de cinco mulheres de idades, crenças e lugares diferentes do Brasil serão apresentadas no programa ‘Falas Femininas’, especial em alusão ao Dia Internacional da Mulher, que irá ao ar no dia 8 de março na TV Globo. Com informações do Gshow.

Uma das 05 mulheres protagonistas que serão homenageadas é a piauiense, Maria Sebastiana Torres da Silva, 59 anos. Natural de São Raimundo Nonato, a agricultora não frequentou a escola porque tinha que trabalhar na roça, mas aprendeu a tocar sozinha uma sanfona que encontrou abandonada. E conciliou o trabalho na lavoura com apresentações em festas para conseguir dinheiro para criar os filhos

Maria Sebastiana tem sua história de luta e conquista dividida com o público em ‘Falas Femininas’ — Foto: Globo / Divulgação

Ela teve nove filhos sete estão vivos, é avó de 14 netos e continua a trabalhar como agricultora. Em 2019, entrou em uma escola para alfabetização de adultos, onde aprendeu a escrever seu nome.

Assista e conheça mais de Maria Sebastiana

 

Com uma equipe majoritariamente feminina, o programa em formato documental destaca trajetórias inspiradoras, valoriza a potência da mulher brasileira e provoca uma conversa franca sobre alguns dos dilemas femininos da atualidade.

“Falas Femininas quer ampliar essas vozes, ao mesmo tempo em que serve como um espelho, para que elas enxerguem e reconheçam seu próprio valor. A partir de uma câmera documental, sensível e cúmplice, o especial revela ao público e às próprias protagonistas a força e a beleza de suas histórias. Nem elas se viam assim”, diz Patricia.

“A escolha das personagens partiu do desejo de mostrar histórias ainda desconhecidas, mas fortes e extremamente representativas da população brasileira. No especial, vamos conhecer melhor as pessoas por trás dos postos de trabalho ou status social e mergulhar fundo nas suas vidas. Todas essas mulheres carregam marcas e cicatrizes de uma história dura e muito batalhada. Entretanto, isso não impede que tenham alegria, espontaneidade e leveza para superar os problemas e enxergar a vida com esperança. No slam ou na sanfona, na cozinha ou no hospital, elas têm a garra e a força típicas da mulher brasileira”, completa Antonia Prado.

Além da parte documental em que a equipe acompanhou o dia a dia dessas mulheres, o especial traz um segundo momento: nos Estúdios Globo, em São Paulo, elas se encontraram em um bate-papo mediado por Fabiana Karla, também da equipe criadora do programa. Para valorizar a trajetória das cinco, o especial termina prestando uma grande homenagem a cada uma delas. Ao final do encontro em São Paulo, elas foram convidadas a participar de um ensaio fotográfico.

Cinco mulheres protagonistas do Falas Femininas (divulgação/TV Globo)

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados para esta matéria.