Banner Topo -Virtex Telecom BAnner Governo do Estado Banner topo – Armazém do povo
Rede Brasil

Filho de juiz é preso suspeito de fabricar super droga nunca vista no Piauí

em 10 de abril de 2021

Policiais da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre) prenderam o filho de um juiz, que é suspeito de mantém laboratórios e estufas para a fabricação de drogas super potentes. Entre os entorpecentes que chama atenção é o crumble, que tem alto poder alucinógeno, e pela primeira vez é vista no Piauí.

A operação foi batizada de “Suíça Verde” em referência a cidade de Pedro II, já que o preso tinha uma xácara no município e fazia o plantio da maconha. A polícia divulgou apenas as inicias do preso que é I.F.G, de 27 anos.

Segundo o delegado Luciano Alcântara, algumas sementes da canabis sativa eram adquiridas na Europa e enviada para o preso através dos Correios.

A operação cumpriu mandados em Pedro II, Piripiri e Teresina. Em um dos estabelecimentos foi localizado R$ 37 mil em dinheiro.

De acordo com o delegado Luciano Alcântara, o preso tem um estabelecimento de Yoga e uma tabacaria. Os dois locais foram encontrados muitas drogas como Skank, haxixe e crumble.

“Nas estufas, ele fazia modificações no cultivo da maconha que geravam o skank e haxixe e também essa droga nova que é o crumble, que tem um poder alucinógeno bem maior do que o Skank. Ele é um dos maiores especialista no cultivo e comercialização de drogas bem diferenciadas”.

O delegado informou que no momento das apreensões tinha droga em todos os estabelecimentos, inclusive dentro de geladeira.

“Ele fazia acondicionamento a vácuo  que conservava a droga por até um ano, ou sejam, é um rapaz especializado. Foi muito difícil chegar até ele, e a Depre considera ele como um dos grandes especialistas do cultivo e produção de drogas mais potentes”.

Em Teresina, a polícia fez busca e apreensão na residência da mãe do rapaz, mas não foi encontrado nenhuma droga.

A polícia apreendeu uma grande quantidade de drogas e que ainda estava contabilizando as apreensões.


Via Cidade Verde

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados para esta matéria.