Banner Topo -Virtex Telecom Banner topo – Armazém do povo Banner Governo do Estado
Rede Brasil

Nuvem de poeira, seguida de rajadas de vento e chuva rápida surpreende moradores de cidades no Piauí

em 24 de setembro de 2021

                                                                                               Foto Reprodução

Na Tarde dessa quinta-feira, 23 de setembro, os moradores da cidade de Picos-Pi ficaram supresso com um intensa nuvem de poeira  que cobriu boa parte da cidade. Depois foi seguida por um chuva rápida, mas que ficou violenta por a grande quantidade  de ventos que chegou a assustar moradores e fazer pequenos estragos em algumas lugares.

Como foi o caso das barracas localizadas na Feira Municipal, que foram arrancadas e levadas pela força do vento (veja os vídeos a baixo), segunda informações da meteorologia, o fenômeno aconteceu pela combinação do excedente de calor e umidade.

Em cidades do Piauí, como a capital Teresina, no fim da tarde, foi registradas rajadas de vento e chuva rápida. O fenômeno deixou estragos também na cidade, como um outdoor que caiu e derrubou o muro do Clube do Marquês, Zona Norte da cidade.

No bairro Matadouro, também na Zona Norte da capital, outdoors caíram e derrubaram o muro do Clube do Gari. Imagens feitas por moradores mostra o estragoO shopping localizado no bairro Cabral ficou sem energia.

O Corpo de Bombeiros informou que cinco ocorrências referentes a queda de árvores foram registradas em Teresina.

                                                                      Outdoor cai e derruba muro de clube em Teresina — Foto: Laura Moura/g1 PI

Na cidade de Santa Filomena, Sul do Piauí, o episódio ajudou a amenizar o incêndio no Parque Serra das Confusões, maior área de preservação da caatinga.

“No Sul do estado ocorreu o mesmo fenômeno da capital, que é a combinação de elevada temperatura e umidade. Processos de natureza termodinâmica favoreceram o episódio de chuva localizada no Sul do estado. Nós temos a combinação de umidade vinda da Amazônia, no caso de Santa Filomena, e de umidade Atlântica, que entrou no Ceará no caso de Picos”, explicou o climatologista Werton Costa.

Fonte: G1

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados para esta matéria.