Banner topo – Armazém do povo BAnner Governo do Estado Banner Topo -Virtex Telecom
Rede Brasil

Fronteiras 86 anos: Educação realiza tributo póstumo ao poeta e jornalista Jurdan Gomes

em 10 de junho de 2021

 

Na noite desta quarta-feira, 09, a prefeitura municipal de Fronteiras, através da Secretaria de Educação, realizou um tributo póstumo ao poeta e cantor Jurdan Gomes. A solenidade aconteceu na Unidade Escolar Nossa Senhora de Fátima e fez parte das comemorações da Semana do Município, em alusão aos 86 anos de emancipação política da cidade.

Estiveram presentes o prefeito Eudes Agripino Ribeiro (PSD), a primeira dama Zildênia Maria, o deputado estadual Georgiano Neto (PSD), o vice-prefeito Gernilson Sobrinho (PP), o presidente da Câmara, vereador Samuel Ribeiro e o Secretário de Educação José Genilson Sobrinho, o Secretário de Saúde, Dr. Antônio Neto, o coordenador municipal Izalberto Luz, o diretor do hospital municipal, Dr. Daniel Bezerra, o prefeito da cidade de Jaicós, Neném de Edite, os vereadores municipais e demais membros do corpo administrativo prestigiaram a solenidade, que cumpriu todos os protocolos de biossegurança da Covid-19.

O objetivo do evento, transmitido ao vivo a partir das 20h00min por uma ‘live’ na internet e assistido por diversos filhos do município, foi homenagear o saudoso poeta Jurdan Gomes por sua contribuição cultural prestada a Fronteiras. O artista multiprofissional foi radialista, jornalista, poeta, escritor, compositor, cantor e politico. Ele faleceu aos 65 anos de idade, no dia 09 de setembro de 2020, em decorrência de problemas cardíacos.

Na ocasião, o poeta foi reverenciado durante o tributo com a apresentação de uma poesia produzida pelas professoras Josilene Santos e Érica, e recitada pela aluna da rede municipal Ester Eyshila Gomes.

Mércia Gomes, vereadora em Belém do Piauí e filha de Jurdan Gomes,

Além disso, familiares do cantor Jurdan Gomes também participaram do evento. A sua filha, vereadora de Belém do Piauí, Mércia Gomes, em discurso aos presentes ressaltou o legado do pai e mencionou a alegria pela homenagem realizada:

“Foi com muita honra e alegria que recebemos o convite para prestigiar a essa linda homenagem ao grande artista filho dessa terra, Jurdan Gomes, que tem um imenso legado em sua história artístico cultural, muito se produziu em arte o seu pensamento, em seu sentimento e amor de ser um artista repleto de decantações de suas músicas, contos e poesia. Ele cantou o sertão, deu mais voz ao povo sertanejo, sempre entoava mais alto: Viva o nosso povo sonhador! O poeta Jurdan sempre foi um homem de muita fé, mesmo diante das adversidades da vida, sempre contornava as situações e com afinco batalhou e conquistou as suas vitórias. Estamos muito felizes pelo reconhecimento e pela valorização da arte da cultura e grande poeta Jurdan Gomes, que as próximas gerações possam se espelhar nele. Agradecemos aos organizadores desse evento, em especial ao Secretário de Educação Genilson Sobrinho e toda sua equipe, nosso imenso obrigado” disse a vereadora Mércia Gomes.

Prefeito Eudes Agripino

Oprefeito de Fronteiras, Eudes Agripino, parabenizou aos organizadores da singela homenagem:

“Quero parabenizá-los por essa justa homenagem ao poeta Jurdan nessa noite que é tão importante para a vida do nosso povo. Além de um grande artista, o Jurdan militou ativamente na vida política e teve sucesso enquanto primeiro gestor da cidade de Belém do Piauí” relembrou.

Fronteiras 86 anos: Educação realiza tributo póstumo ao poeta e jornalista Jurdan Gomes

O Cantador do Sertão

Jurdan Gomes, registrado oficialmente como Antônio Gomes de Sousa, nasceu em 09 de outubro de 1955 na cidade de Fronteiras – PI, filho de Antonio Gomes e Higina Gomes Rodrigues. Ainda jovem ele sonhava viver de música e abdicou dos seus estudos para tentar a vida em São Paulo.

Ao retornar para sua terra começou a trabalhar em rádios locais e a escrever livros. Onde veio a tornar-se radialista, jornalista, poeta, escritor, compositor, cantor e politico. Após atuar ativamente no processo de emancipação política do até então Povoado Malhada Grande, ele tornou-se o 1° prefeito do município de Belém do Piauí.

Jurdan, intitulado “Poeta Cantador” ou “Cantador do Sertão” ressaltava nas suas obras às suas origens e as vivências do Nordeste, ele foi membro da Academia de Letras da região de Picos (ALERP), coroando sua história como escritor.

O artista também lançou 5 CDs de poesias intitulados: Retratos da vida, Os políticos que se cuidem, As sagas de quem tem chifres, Um Jacá de idiotice, Um socotó de heresias. Todo esse trabalho mostrou a reconhecida inteligência do poeta, com poesias providas de beleza e muito humor retratando o cotidiano da vida política e social de cada cidadão.

Veja imagens!

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Seu email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados *

*