Banner Topo -Virtex Telecom Banner topo – Armazém do povo Banner Governo do Estado
Rede Brasil

Entidades denunciam crimes contra os animais em Dom Expeditos Lopes

em 24 de setembro de 2021

                              Representantes pedem providências a Secretaria de Meio Ambiente. Foto: Reprodução

As entidades de defesa dos animais, Biocarepatas e Amigos Reunidos pela Causa Animal de Picos- PI (ARCA) estão denunciando a morte de cães e gatos no município de Dom Expedito Lopes. Segundo a representante da ARCA, Katia Daniela, há casos que vão desde o abandono, envenenamento, tortura, mutilação até disparos de baladeira contra os animais que vivem nas ruas. As imagens que chegaram até os defensores dos animais são fortíssimas e mostram a crueldade das pessoas que estão cometendo esses atos.

Para tentar encontrar uma solução para o problema e a apuração desses crimes, os representes da Biocarepatas (que residem naquele município) e da ARCA estiveram na Secretaria de Meio Ambiente de Dom Expedito Lopes para pedir apoio na luta contra os maus-tratos aos animais e maior proteção aos animais de rua.

“Deixamos claro que o trabalho da Biocarepatas na cidade de D. Expedito Lopes se trata de um ativismo sério, ancorado nas leis de proteção ao meio ambiente e, sobretudo. de proteção aos animais em estado de vulnerabilidade, inclusive tendo entre seus projetos a coleta de lixo reciclável, revertendo esse lixo em valores para tratar dos animais”, declarou Daniela.

A ativista saliente que a lei está mais rigorosa para garantir a punição de quem cometer crimes contra os animais.

“A Lei 14.064/2020 aumentou a pena para quem maltratar cães e gatos. A partir de agora, quem cometer esse crime será punido com 2 a 5 anos de reclusão, multa e proibição da guarda. Caso o crime resulte na morte do animal, a pena pode ser aumentada em até 1/3”, ressaltou.

Fonte: Boletim do Serão