Banner topo – Rede Brasil Aluguel de Carros Banner Topo -Virtex Telecom
Rede Brasil

Disque 100 registrou 1.130 denúncias de violência contra crianças no Piauí

em 13 de junho de 2018

Imagem ilustrativa

O Disque 100 registrou 1.130 denúncias de violência contra crianças e adolescentes no Piauí em 2017. Na lista, a negligência aparece em primeiro, com 74%, depois, violência psicológica, 52%, em seguida a física, 40%, a sexual, com 22% e, finalmente, outras violências somam 16% das denúncias.

Para chamar atenção destes números, a Rede Não Bata, Eduque (RNBE) vai promover um seminário para fortalecer a mobilização e atuação dos diversos órgãos na apuração das denúncias. O evento acontece nesta quinta(14) das 9h às 12h no auditório do Ministério Público do Piauí, no bairro de Fátima, zona Leste de Teresina.

O tema do seminário será “Tecendo parcerias por uma educação sem violência na vida de crianças e adolescentes”.

A RNBE também vai apresentar a cartilha “Pelo Fim dos Castigos Corporais e do Tratamento Cruel e Degradante – Manual de Sensibilização para Conselheiros Tutelares, Conselheiros de Direitos e Profissionais do Sistema de Garantia de Direitos”.

O evento pretende ainda fortalecer o engajamento de adolescentes e jovens em ações de prevenção de violências, contando com uma mesa de debates em que jovens mobilizadores da RNBE e também de organizações que atuam em Teresina partilharão suas vivências e ações estratégicas pelo direito à participação na construção da cultura de paz.

No mês em que a Lei Menino Bernardo (13.010/14) completa quatro anos, o encontro reunirá atores estratégicos envolvidos no sistema de garantia de direitos infanto-juvenis, como profissionais da educação, psicólogos, juízes, assistentes sociais, conselheiros tutelares e conselheiros de direitos.

Organizado em conjunto com a Associação de Conselheiros Tutelares do Estado do Piauí (Acontepi), Fundação Angélica Goulart, Save the Children, Ministério Público do Piauí (MPPI) e Plan International, o evento busca ampliar as ações de prevenção dos castigos físicos e humilhantes no estado.

Oficina de formação

Após o seminário, das 14h às 17h, será ministrada a oficina “Estilos parentais e a construção das relações pais-filhos e sociais pautadas no respeito e no diálogo”. Voltada para profissionais da rede de proteção de violências contra crianças e adolescentes, a formação sugere uma metodologia de abordagem do tema com as famílias.

Cidade Verde

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Seu email não será divulgado. Campos obrigatórios estão marcados *

*