Banner topo – Rede Brasil Aluguel de Carros Banner Topo -Virtex Telecom Banner topo – Armazém do povo Banner SEBRAE semana MEI
Rede Brasil

Detento é solto de penitenciária por engano e preso após um ano em liberdade no Piauí

Segundo a polícia, Fábio Augusto Fonseca Rocha saiu do presídio em razão de um alvará de soltura de um dos processos respondidos por ele, mas contra ele havia outros mandados.

em 14 de março de 2019

Detento foi colocado em liberdade por engano da Penitenciária Mista de Parnaíba — Foto: Patrícia Andrade/G1

Um detento do sistema prisional do Piauí ficou em liberdade por cerca de um ano após ter sido solto por engano da Penitenciária Mista Juiz Fontes Ibiapina, em Parnaíba, Norte do estado. De acordo com a Polícia Civil, Fábio Augusto Fonseca Rocha saiu do presídio em razão de um alvará de soltura de um dos processos respondidos por ele, mas contra o preso havia outros mandados de prisão.

G1 procurou a Secretaria de Estado de Justiça do Piauí (Sejus-PI), mas não obteve resposta até a publicação da matéria.

Fábio Augusto foi preso novamente na tarde dessa segunda-feira (11) pela Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (DEPATRI) e Delegacia de Homicídio, Tráfico e Latrocínio (DHTL).

“Ele foi solto por engano há um ano, e depois disso não foi mais encontrado. Até ontem, quando tivemos conhecimento do possível paradeiro dele e efetuamos a prisão”, informou o delegado João Rodrigo Luna.

Segundo o delegado, o detento continuou a prática de atos ilícitos enquanto estava foragido. “Ele cometeu muitos crimes, continuava nessa vida. Prendemos ele com um veículo clonado que ele havia pego em Fortaleza na sexta-feira (8)”, afirmou João Rodrigo Luna.

Delegado João Rodrigo Luna — Foto: Kairo Amaral/G1

“Ele é conhecido aqui na região, responde processo em várias comarcas por crimes de falsificação de documentos, fraudes, estelionato, corrupção, entre outros”, completou o delegado.

Por conta do carro clonado encontrado com ele, Fábio Augusto foi autuado em flagrante pelo crime de receptação. Ele deve retornar à Penitenciária Mista de Parnaíba para ficar à disposição da Justiça enquanto responde pelos crimes apontados pela polícia.

Fonte: G1 Piauí

Nenhum comentário.

Os comentários estão encerrados para esta matéria.